Conan, o Cimério
Olá visitante, seja bem vindo!!

Este fórum foi feito por fãs de Conan, o Cimério, numa pequena tentativa de reunir amigos e mais pessoas interessadas em assuntos relacionados a espada & feitiçaria.

Aqui você encontrará reviews de filmes, estudos sobre o tema, notícias e tudo mais que seja relacionado!!

Faça seu registro e participe conosco em nosso exército!!!

Grato!!
Administrador
Quem está conectado
1 usuário online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 1 Visitante

Nenhum

[ Ver toda a lista ]


O recorde de usuários online foi de 24 em Sab Maio 02, 2015 4:12 pm
Últimos assuntos
» Frases marcantes de Conan (filmes, livros e HQs em geral)
por Adirrônei Borges Dom Fev 19, 2017 2:45 pm

» Conan o Bárbaro - Desenho Animado (The Adventurer)
por samedley Qua Maio 27, 2015 4:57 pm

» Vendo alguns itens da minha coleção do Conan
por Lipe Sex Abr 03, 2015 5:04 pm

» Saudações Guerreiros!!! Apresentem-se!!
por Rogerio Rocha Qui Mar 26, 2015 8:32 am

» Tudo Relacionado ao Conan.
por Rogerio Rocha Qui Mar 26, 2015 8:30 am

» TERROR NA COSTA NEGRA PT-BR
por Rogerio Rocha Qui Mar 26, 2015 8:28 am

» A ÚLTIMA HISTÓRIA DE BÊLIT
por Marc o Cimerio Qua Mar 25, 2015 8:05 pm

» Dicas para barachos de primeira viagem...
por Lipe Sex Dez 19, 2014 1:05 pm

» CONAN DVDS RAROS
por magobardo Seg Set 22, 2014 6:30 pm

Dezembro 2017
SegTerQuaQuiSexSabDom
    123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

Calendário Calendário


Conan O Bárbaro (2011) - Tópico Oficial para discussão

Página 3 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: Conan O Bárbaro (2011) - Tópico Oficial para discussão

Mensagem por Josey Wales em Sex Jan 06, 2012 3:29 pm

transformers 3 começou relacionando fatos historicos com os transformers... isto eu até achei legal... mas... passado os 20 primeiros minutos nada disto importava mais.... e de boa.... deve ter sido quase 1 hora direto de cena de açao. No final ja tava um tedio danado. rsrsrsrs

fraco filme.


Ja o lanterna... sabe... se vc o encarar como um filme infantil do tipo aqueles desenhos "liga da justiça" antigo (aqueles que tinha a frase: enquanto isto na sala de justiça)... ai ele é até legalzim... meu sobrinho amou o filme. rsrsrs agora... putz.... pra gente que cresceu.... a historia e moral imbutida.... nossa é bem raso. Muito mesmo. Ver o lanterna verde materializando um hotwheels gigante chega faz abrir sorriso em crianças... rsrsrs (nao nego que gostei de ver meu sobrinho gostando do filme)

_________________
"I live, I burn with life, I love, I slay, and am content."
avatar
Josey Wales
Admin

Mensagens : 831
Data de inscrição : 08/10/2011
Idade : 38
Localização : Pará de Minas

Ver perfil do usuário http://conanobarbaro.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Conan O Bárbaro (2011) - Tópico Oficial para discussão

Mensagem por Siegfried em Sex Jan 06, 2012 3:36 pm

Eu só assisti transformers 1 e já foi o bastante, filmes de heróis vi muitos poucos, só os personagens que eu gostava e me decepcionei em quase todos, (acho que só consegui aplaudir WATCHMEN e HOMEN DE FERRO 1)

Me irrito com a marvel que pensa que o público se impressiona com qualquer asneira na telona, o último filme que eu vi (Thor) me fez sentir um imbecil perdendo uma hora e meia da minha vida pra ver uma diarréia mental do Branagh, nem preciso dizer que vou passar longe dos vingadores... (ha! eu sou um chato mesmo.... fazer o que? hehehehe)

_________________
"Saiba ó príncipe, que nos anos 80, houve uma era inimaginável, onde os bárbaros caminhavam sobre a terra...."
avatar
Siegfried
Admin

Mensagens : 1086
Data de inscrição : 11/10/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Conan O Bárbaro (2011) - Tópico Oficial para discussão

Mensagem por Josey Wales em Sex Jan 06, 2012 3:58 pm

eu sou fan do capitao e do thor... fui ver os dois. Decepcionei-me com os 2. É extremamente jeito Walt Disney de ser (diversao para toda familia). Heroi aprendendo uma moralzinha e blablablabla... nada de sangue... e o fabuloso BEM vs MAL. Sincerametne... agora... eu ja nao espero muita coisa diferente quando vou ver um filme destes... meio que ja sei o que me aguarda... entao... coloco o cerebro no modo stand by... e deixo aquilo ser uma diversao passageira.

O incrível é que o capitão caiu nas graças do publico... montado numa moto ridicula que solta fogo.... sem falar que ele era muito mais inspirador antes de se tornar capitao, como steve rogers, do que apos... apos ele virou um super-heroi com super força lutando sem parar (e sem nenhuma conexao entre cenas... detalhe....) contra o super-vilão. Nem discurso motivador o capitao tinha mais.... aaaaaaafffffffffffffff.... esta foi minha maior frustaçao no cinema este ano. Mais do que conan.

edit: alias... vendo este filme do conan... fica muito claro que a visao dos produtores era de fazer um filme de superheroi de quadrinhos com o barbaro.... eh muito parecido com as obras que saem sobre os mesmos....

_________________
"I live, I burn with life, I love, I slay, and am content."
avatar
Josey Wales
Admin

Mensagens : 831
Data de inscrição : 08/10/2011
Idade : 38
Localização : Pará de Minas

Ver perfil do usuário http://conanobarbaro.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Conan O Bárbaro (2011) - Tópico Oficial para discussão

Mensagem por Rogerio Rocha em Sab Jan 07, 2012 8:39 am

Então, eu também sempre gostei do capitão e do Thor, mas os filmes foram feitos para um público diferente do nosso, são os fãs de hoje... minhas esperanças era que o Conan fosse diferente, mas infelizmente eles fizeram um filme violento, mas não adiantou nada...

Vou ver os vingadores pois gosto do cinema mesmo que o filme seja fraco eu vou, assisti recentemente até o Cavalo de Guerra do Spielberg e gostei. O Homem de Ferro 1 realmente foi foda, já na continuação perderam a mão... Esse ano sai novamente o Jovem Homem Aranha, que será um novo inicio para o herói nas telonas. Mas acho que a melhor adaptação para as telonas foi mesmo a nova série do Batman com o Bale, que ficou demais, e terá uma continuação nesse ano também.


_________________
Chega um momento, o ladrão, quando as jóias deixam de brilhar, quando o ouro perde seu brilho, quando a sala do trono se torna uma prisão, e tudo o que resta é o amor de um pai para seu filho.
avatar
Rogerio Rocha
Admin

Mensagens : 847
Data de inscrição : 10/10/2011
Idade : 37
Localização : São Paulo

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Conan O Bárbaro (2011) - Tópico Oficial para discussão

Mensagem por lepolisse em Qua Jan 25, 2012 6:56 am

Vi o filme novo do Conan - o Bárbaro, nesse final de semana, e reparei que em nenhum momento o personagem do Conan, chamou,gritou,praguejou ou xingou pelo seu Deus CROM.....achei isso uma furada danada....Alguém mais reparou ou teria alguma explicação pra isso?
Valeu

lepolisse

Mensagens : 5
Data de inscrição : 24/01/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Conan O Bárbaro (2011) - Tópico Oficial para discussão

Mensagem por Josey Wales em Qua Jan 25, 2012 7:17 am

A explicação Lepolisse... é muito simples... os cara que escreveram o roteiro e dirigiram o filme NÃO ENTENDIAM NADA sobre o cimério!!! rsrsrsrs

Triste assim. Pra vc ter ideia... o filme ja estava pronto mas estava com o roteiro tão ruim... que convidaram o Sean Hood para ajustar o algumas falas e conexões sobre as cenas do filme... Então tiveram que voltar a refilmar alguns trechos e acrescentarem no filme... rsrsrs... uma pena

Agora... ainda acho que o filme tem alguns méritos... e não o acho tão pior do que a maioria dos blockbuster atuais... mas... com certeza queria muuuuuito mais.

_________________
"I live, I burn with life, I love, I slay, and am content."
avatar
Josey Wales
Admin

Mensagens : 831
Data de inscrição : 08/10/2011
Idade : 38
Localização : Pará de Minas

Ver perfil do usuário http://conanobarbaro.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Conan O Bárbaro (2011) - Tópico Oficial para discussão

Mensagem por Josey Wales em Qua Jan 25, 2012 7:21 am

E seja bem vido Lepolisse...

_________________
"I live, I burn with life, I love, I slay, and am content."
avatar
Josey Wales
Admin

Mensagens : 831
Data de inscrição : 08/10/2011
Idade : 38
Localização : Pará de Minas

Ver perfil do usuário http://conanobarbaro.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Conan O Bárbaro (2011) - Tópico Oficial para discussão

Mensagem por Siegfried em Qua Jan 25, 2012 7:33 am

Josey Wales escreveu:A explicação Lepolisse... é muito simples... os cara que escreveram o roteiro e dirigiram o filme NÃO ENTENDIAM NADA sobre o cimério!!! rsrsrsrs

Triste assim. Pra vc ter ideia... o filme ja estava pronto mas estava com o roteiro tão ruim... que convidaram o Sean Hood para ajustar o algumas falas e conexões sobre as cenas do filme... Então tiveram que voltar a refilmar alguns trechos e acrescentarem no filme... rsrsrs... uma pena

Agora... ainda acho que o filme tem alguns méritos... e não o acho tão pior do que a maioria dos blockbuster atuais... mas... com certeza queria muuuuuito mais.

Walles, agora lembrei que havia lido sobre essas refilmagens da película no OMELETE, mas depois que vi o filme o trauma foi tão grande que até havia esquecido completamente desse detalhe, se o produto final foi essa coisa bizarra que vimos, imagine então se o tal "remendo" não tivesse sido feito? Shocked Shocked Shocked

_________________
"Saiba ó príncipe, que nos anos 80, houve uma era inimaginável, onde os bárbaros caminhavam sobre a terra...."
avatar
Siegfried
Admin

Mensagens : 1086
Data de inscrição : 11/10/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Conan O Bárbaro (2011) - Tópico Oficial para discussão

Mensagem por Josey Wales em Qua Jan 25, 2012 7:42 am

sinceramente... acho que a menção a Iara e a torre do elefante acho que foram do sean hood... e tambem quando ele está no barco frustado por nao ter pego khalar Zym e seu amigo fala que ele tem o coração de um rei... tambem acho que foram de hood...

por ultimo quando ele ele ta no barco... tem uma cena de conversa que eu tive TOTAL impressão que a cena foi recortada....


mas claro... to soh especulando. Sean Hood pediu desculpa pessoalmente depois no forum oficial do Howard.

_________________
"I live, I burn with life, I love, I slay, and am content."
avatar
Josey Wales
Admin

Mensagens : 831
Data de inscrição : 08/10/2011
Idade : 38
Localização : Pará de Minas

Ver perfil do usuário http://conanobarbaro.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Conan O Bárbaro (2011) - Tópico Oficial para discussão

Mensagem por Siegfried em Qua Jan 25, 2012 7:43 am

Nergal carregue aqueles cães para as profundezas fedorentas do Arallu!

_________________
"Saiba ó príncipe, que nos anos 80, houve uma era inimaginável, onde os bárbaros caminhavam sobre a terra...."
avatar
Siegfried
Admin

Mensagens : 1086
Data de inscrição : 11/10/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Conan O Bárbaro (2011) - Tópico Oficial para discussão

Mensagem por Josey Wales em Qua Jan 25, 2012 7:47 am

ele escreveu um texto de desculpa massa demais cara... comparando o lançamento do filme com uma eleição... texto muito bom... mas... infelizmente a cagada ta feita. rsrsrs

_________________
"I live, I burn with life, I love, I slay, and am content."
avatar
Josey Wales
Admin

Mensagens : 831
Data de inscrição : 08/10/2011
Idade : 38
Localização : Pará de Minas

Ver perfil do usuário http://conanobarbaro.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Conan O Bárbaro (2011) - Tópico Oficial para discussão

Mensagem por lepolisse em Qua Jan 25, 2012 7:53 am

Valeu Josey Wales....e só pra constar, há tempos acompanho no orkut esse forum, mas ainda não tinha a oportunidade de me inscrever nesse aqui. Ontem finalmente eu criei vergonha cara....ainda estou pescando algumas coisas, mas de cara, o forum é muito foda....ótimo pra quem conhece e quem quer conhecer essa fabulosa e magnifica ERA HIBORIANA!!!!
Abraços..

lepolisse

Mensagens : 5
Data de inscrição : 24/01/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Conan O Bárbaro (2011) - Tópico Oficial para discussão

Mensagem por Siegfried em Qua Jan 25, 2012 7:55 am

Tem traduzido? leio inglês como um picto...

Eu li uma entrevista de um deles, não sei qual dos patifes era: ele ou o Joshua Oppemheimer, o sujeito teve a cara de pau de dizer que o filme do Millius era um filme "Grosseiro"

Crom me carregue, o sujeito assinou o atestado de boçalidade, que pensavam eles afinal? que Conan era o Alexandre do filme do Stone? faça-me o favor...

_________________
"Saiba ó príncipe, que nos anos 80, houve uma era inimaginável, onde os bárbaros caminhavam sobre a terra...."
avatar
Siegfried
Admin

Mensagens : 1086
Data de inscrição : 11/10/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Conan O Bárbaro (2011) - Tópico Oficial para discussão

Mensagem por Siegfried em Qua Jan 25, 2012 7:57 am

lepolisse escreveu:Valeu Josey Wales....e só pra constar, há tempos acompanho no orkut esse forum, mas ainda não tinha a oportunidade de me inscrever nesse aqui. Ontem finalmente eu criei vergonha cara....ainda estou pescando algumas coisas, mas de cara, o forum é muito foda....ótimo pra quem conhece e quem quer conhecer essa fabulosa e magnifica ERA HIBORIANA!!!!
Abraços..

Lepolisse

Muito obrigado pelo elogio, temos feito o possível para torná-lo o mais informado e atrativo possível.
Grande abraço!

_________________
"Saiba ó príncipe, que nos anos 80, houve uma era inimaginável, onde os bárbaros caminhavam sobre a terra...."
avatar
Siegfried
Admin

Mensagens : 1086
Data de inscrição : 11/10/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Conan O Bárbaro (2011) - Tópico Oficial para discussão

Mensagem por Josey Wales em Qua Jan 25, 2012 8:06 am

Faço minhas as palavras de Siegfried....

E sabe o que é louco... a gente ja tem 182 assuntos diferentes... E SÓ ESTAMOS COMEÇANDO!!! Tem muuuuuuuuuito ainda pra ser destrinchado!!!


Sobre o texto... traduzido nao tem... vou procurar no conanmovieblog se achar eu posto aqui... e eu tambem leio como um picto... rsrsrs mas... criaram um tal de tradutor google que me ajuda bastante. Razz

_________________
"I live, I burn with life, I love, I slay, and am content."
avatar
Josey Wales
Admin

Mensagens : 831
Data de inscrição : 08/10/2011
Idade : 38
Localização : Pará de Minas

Ver perfil do usuário http://conanobarbaro.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Conan O Bárbaro (2011) - Tópico Oficial para discussão

Mensagem por Rogerio Rocha em Qua Jan 25, 2012 8:15 am

[quote="Josey Wales"]Faço minhas as palavras de Siegfried....

E sabe o que é louco... a gente ja tem 182 assuntos diferentes... E SÓ ESTAMOS COMEÇANDO!!! Tem muuuuuuuuuito ainda pra ser destrinchado!!!


É verdade, tem muitaaa coisa ainda, e que bom né??

_________________
Chega um momento, o ladrão, quando as jóias deixam de brilhar, quando o ouro perde seu brilho, quando a sala do trono se torna uma prisão, e tudo o que resta é o amor de um pai para seu filho.
avatar
Rogerio Rocha
Admin

Mensagens : 847
Data de inscrição : 10/10/2011
Idade : 37
Localização : São Paulo

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Conan O Bárbaro (2011) - Tópico Oficial para discussão

Mensagem por Josey Wales em Qua Jan 25, 2012 8:18 am

achado o texot do sean hood... em inglês... sorry.. rsrsrs

When you work "above the line" on a movie (writer, director, actor, producer, etc.) watching it flop at the box office is devastating. I had such an experience during the opening weekend of Conan the Barbarian 3D.

A movie's opening day is analogous to a political election night. Although I've never worked in politics, I remember having similar feelings of disappointment and disillusionment when my candidate lost a presidential bid, so I imagine that working as a speechwriter or a fundraiser for the losing campaign would feel about the same as working on an unsuccessful film.

One joins a movie production, the same way one might join a campaign, years before the actual release/election, and in the beginning one is filled with hope, enthusiasm and belief. I joined the Conan team, having loved the character in comic books and the stories of Robert E. Howard, filled with the same kind of raw energy and drive that one needs in politics.

Any film production, like a long grueling campaign over months and years, is filled with crisis, compromise, exhaustion, conflict, elation, and blind faith that if one just works harder, the results will turn out all right in the end. During that process whatever anger, frustration, or disagreement you have with the candidate/film you keep to yourself. Privately you may oppose various decisions, strategies, or compromises; you may learn things about the candidate that cloud your resolve and shake your confidence, but you soldier on, committed to the end. You rationalize it along the way by imagining that the struggle will be worth it when the candidate wins.

A few months before release, "tracking numbers" play the role in movies that polls play in politics. It's easy to get caught up in this excitement, like a college volunteer handing out fliers for Howard Dean. (Months before Conan was released many close to the production believed it would open like last year's The Expendables.) As the release date approaches and the the tracking numbers start to fall, you start adjusting expectations, but always with a kind of desperate optimism. "I don't believe the polls," say the smiling candidates.

You hope that advertising and word of mouth will improve the numbers, and even as the numbers get tighter and the omens get darker, you keep telling yourself that things will turn around, that your guy will surprise the experts and pollsters. You stay optimistic. You begin selectively ignoring bad news and highlighting the good. You make the best of it. You believe.

In the days before the release, you get all sorts of enthusiastic congratulations from friends and family. Everyone seems to believe it will go well, and everyone has something positive to say, so you allow yourself to get swept up in it.

You tell yourself to just enjoy the process. That whether you succeed or fail, win or lose, it will be fine. You pretend to be Zen. You adopt detachment, and ironic humor, while secretly praying for a miracle.

The Friday night of the release is like the Tuesday night of an election. "Exit polls" are taken of people leaving the theater, and estimated box office numbers start leaking out in the afternoon, like early ballot returns. You are glued to your computer, clicking wildly over websites, chatting nonstop with peers, and calling anyone and everyone to find out what they've heard. Have any numbers come back yet? That's when your stomach starts to drop.

By about 9 PM it's clear when your "candidate" has lost by a startlingly wide margin, more than you or even the most pessimistic political observers could have predicted. With a movie its much the same: trade magazines like Variety and Hollywood Reporter call the weekend winners and losers based on projections. That's when the reality of the loss sinks in, and you don't sleep the rest of the night.

For the next couple of days, you walk in a daze, and your friends and family offer kind words, but mostly avoid the subject. Since you had planned (ardently believed, despite it all) that success would propel you to new appointments and opportunities, you find yourself at a loss about what to do next. It can all seem very grim.

You make light of it, of course. You joke and shrug. But the blow to your ego and reputation can't be brushed off. Reviewers, even when they were positive, mocked Conan The Barbarian for its lack of story, lack of characterization, and lack of wit. This doesn't speak well of the screenwriting - and any filmmaker who tells you s/he "doesn't read reviews" just doesn't want to admit how much they sting.

Unfortunately, the work I do as a script doctor is hard to defend if the movie flops. I know that those who have read my Conan shooting script agree that much of the work I did on story and character never made it to screen. I myself know that given the difficulties of rewriting a script in the middle of production, I did work that I can be proud of. But it's still much like doing great work on a losing campaign. All anyone in the general public knows, all anyone in the industry remembers, is the flop. A loss is a loss.

But one thought this morning has lightened my mood:

My father is a retired trumpet player. I remember, when I was a boy, watching him spend months preparing for an audition with a famous philharmonic. Trumpet positions in major orchestras only become available once every few years. Hundreds of world class players will fly in to try out for these positions from all over the world. I remember my dad coming home from this competition, one that he desperately wanted to win, one that he desperately needed to win because work was so hard to come by. Out of hundreds of candidates and days of auditions and callbacks, my father came in....second.

It was devastating for him. He looked completely numb. To come that close and lose tore out his heart. But the next morning, at 6:00 AM, the same way he had done every morning since the age of 12, he did his mouthpiece drills. He did his warm ups. He practiced his usual routines, the same ones he tells his students they need to play every single day. He didn't take the morning off. He just went on. He was and is a trumpet player and that's what trumpet players do, come success or failure.

Less than a year later, he went on to win a position with the Los Angeles Philharmonic, where he played for three decades. Good thing he kept practicing.

So with my father's example in mind, here I sit, coffee cup steaming in its mug and dog asleep at my feet, starting my work for the day, revising yet another script, working out yet another pitch, thinking of the future (the next project, the next election) because I'm a screenwriter, and that's just what screenwriters do.

In the words of Ed Wood, "My next one will be BETTER!"

_________________
"I live, I burn with life, I love, I slay, and am content."
avatar
Josey Wales
Admin

Mensagens : 831
Data de inscrição : 08/10/2011
Idade : 38
Localização : Pará de Minas

Ver perfil do usuário http://conanobarbaro.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Conan O Bárbaro (2011) - Tópico Oficial para discussão

Mensagem por lepolisse em Qua Jan 25, 2012 8:25 am

Retornando ao filme do Conan....trataram Iara como mulher, sendo que nas HQ´s, Iara é um homem, Conan não chamou nenhum inimigo de CÃO, a qdo se referiam a Hirkania, falavam algo que maltratavam os ouvidos....enfim....fazer né...

lepolisse

Mensagens : 5
Data de inscrição : 24/01/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Conan O Bárbaro (2011) - Tópico Oficial para discussão

Mensagem por Rogerio Rocha em Qua Jan 25, 2012 8:30 am

Segue uma tradução tosca Josey
Quando você trabalha "acima da linha" em um filme (escritor, diretor, ator, produtor, etc) assistindo um fracasso nas bilheterias, é devastador. Eu tive uma experiência desse tipo durante a semana de estréia de Conan, o Bárbaro 3D. dia Um filme de abertura análoga a uma noite de eleição política.Embora eu nunca trabalhei na política, eu lembro de ter sentimentos similares de decepção e desilusão quando o meu candidato perdeu uma candidatura presidencial, então eu imagino que trabalhar como redator de discursos ou um levantador de fundos para a campanha de perder sentiria o mesmo que trabalhando em um filme sem sucesso. Uma junta-se uma produção de cinema, da mesma forma pode-se participar de uma campanha, anos antes do lançamento real / eleição, e no início um está cheio de entusiasmo, esperança e crença.Entrei na equipe Conan, tendo amado o personagem em quadrinhos e as histórias de Robert E. Howard, preenchido com o mesmo tipo de energia crua e uma unidade que precisa na política. Qualquer produção cinematográfica, como uma longa campanha extenuante durante meses e anos, está repleta de crise, compromisso, esgotamento, conflitos, alegria e fé cega que se alguém simplesmente funciona mais difícil, os resultados vão acabar bem no final. Durante esse processo o que quer que raiva, frustração, ou discordância que você tem com o candidato / filme que você guardará para si. Privada que você pode opor-se várias decisões, estratégias, ou compromissos, você pode aprender coisas sobre o candidato que a nuvem a sua determinação e agitar sua confiança, mas você soldado, comprometidos até o fim. Você racionalizá-la ao longo do caminho, imaginando que a luta vai valer a pena quando o candidato ganha. Poucos meses antes do lançamento, "os números de rastreamento" desempenham o papel nos filmes que as pesquisas desempenham na política. É fácil ficar preso nessa emoção, como um voluntário da faculdade distribuindo panfletos para Howard Dean. (Meses antes de Conan foi lançado muitas pessoas ligadas à produção acreditava que iria abrir como no ano passado) Conforme se aproxima a data de lançamento e do números de rastreamento de começar a cair, você começar a ajustar as expectativas, mas sempre com uma espécie de otimismo desesperado. "Eu não acredito que as pesquisas", dizem os candidatos sorrindo. Você espera que a publicidade de boca em boca e vai melhorar os números, e até mesmo como os números ficam mais apertados e os presságios se mais escura, você continua a dizer-te que as coisas vão virar-se , que o cara vai surpreender os especialistas e pesquisadores.Você ficar otimista. Você começa seletivamente ignorando as más notícias e destacando os bons. Você faz o melhor dele. Você acredita. Nos dias antes do lançamento, você recebe todos os tipos de felicitações entusiásticas de amigos e familiares. Toda a gente parece acreditar que vai correr bem, e todos têm algo de positivo para dizer, então você se permite é arrastada para dentro dela. Diga-se a apenas apreciar o processo. Que se você ter sucesso ou falhar, ganhar ou perder, ele vai ficar bem. Você finge ser zen. Você adotar o desapego, e humor irônico, enquanto secretamente orando por um milagre. A noite de sexta-feira a liberação é como a noite terça-feira de uma eleição. "As pesquisas de saída" são tomadas de pessoas que abandonam o teatro, e os números de escritório estimada caixa de começar a vazar durante a tarde, como retorna votação antecipada. Está colado ao seu computador, clicando descontroladamente sobre sites, conversando sem parar com seus pares, e chamando qualquer um e todos para descobrir o que eles ouviram. Tem todos os números voltou ainda? É quando o estômago começa a cair. Por volta PM 9 está claro quando o seu "candidato" perdeu por uma margem surpreendente de largura, mais do que você ou até mesmo os observadores mais pessimistas política poderia ter previsto. Com um filme seu a mesma coisa: revistas comerciais como Variety e Hollywood Reporter chama o fim de semana os vencedores e perdedores com base em projeções. É quando a realidade da perda de sumidouros, e você não dorme o resto da noite. Para os próximos dias, você anda em um daze, e os seus amigos e as palavras da família tipo oferecer, mas principalmente evitar o assunto. Uma vez que você tinha planejado (ardentemente acreditava, apesar de tudo) que o sucesso seria impulsioná-los para novas nomeações e oportunidades, você se encontra em uma perda sobre o que fazer a seguir. Tudo isto pode parecer muito sombrias. Você faz luz dele, é claro. Você piada e encolher de ombros. Mas o golpe no seu ego e reputação não pode ser arredada. Revisores, mesmo quando eles foram positivos, escarnecido Conan O Bárbaro por sua falta de história, a falta de caracterização, e falta de inteligência. Isso não falar bem do roteiro - e qualquer cineasta que lhe diz que ele / ela "não lê comentários" apenas não quer admitir o quanto eles picada. Infelizmente, o trabalho que faço como um médico de script é difícil defender se o filme flops. Eu sei que aqueles que leram o meu roteiro Conan concorda que nunca muito do trabalho que fiz na história e personagem chegou à tela. Eu mesmo sei que dadas as dificuldades de reescrever um roteiro no meio da produção, eu fiz o trabalho que eu possa ser motivo de orgulho. Mas ainda é muito parecido fazendo um grande trabalho em uma campanha de perder. Todos ninguém no público em geral sabe, todo o qualquer um na indústria se lembra, é o flop. A perda é uma perda. Mas um pensamento nesta manhã tem iluminado o meu humor: Meu pai é um trompetista aposentado. Eu me lembro, quando eu era menino, vendo-o passar meses se preparando para uma audição com uma famosa filarmônica. Posições trombeta em grandes orquestras só se tornam disponíveis uma vez a cada poucos anos. Centenas de jogadores de classe mundial voará para tentar para fora para estas posições de todo o mundo. Lembro-me de meu pai chegar em casa a partir desta competição, que ele queria desesperadamente vencer, uma que ele precisava desesperadamente vencer, porque o trabalho foi tão difícil de encontrar. De centenas de candidatos e dias de audições e callbacks, meu pai veio dentro ... segundo. Foi devastador para ele. Ele parecia completamente entorpecidos. Para chegar tão perto e perder arrancaram seu coração. Mas na manhã seguinte, às 6h00, da mesma forma que havia feito todas as manhãs desde a idade de 12, ele fez exercícios de seu porta-voz. Ele fez o seu aquecimentos. Ele praticava suas rotinas habituais, os mesmos que ele diz a seus alunos que eles precisam para jogar todos os dias. Ele não tomou parte da manhã fora. Ele simplesmente continuou. Ele foi e é um trompetista e é isso que os jogadores fazem trompete, vem o sucesso ou fracasso.Menos de um ano depois, ele passou a ganhar uma posição com a Filarmônica de Los Angeles, onde jogou por três décadas. Coisa boa que ele continuou praticando. Assim, com exemplo de meu pai em mente, aqui eu sento, copo de café fumegante em sua caneca e cão dormindo aos meus pés, começando o meu trabalho para o dia, revisando ainda script de outro, trabalhando fora ainda passo outra, pensando do futuro (próximo projeto, a próxima eleição), porque eu sou um roteirista, e isso é exatamente o que os roteiristas fazem. Nas palavras de Ed Wood, "Meu próximo será melhor!"

_________________
Chega um momento, o ladrão, quando as jóias deixam de brilhar, quando o ouro perde seu brilho, quando a sala do trono se torna uma prisão, e tudo o que resta é o amor de um pai para seu filho.
avatar
Rogerio Rocha
Admin

Mensagens : 847
Data de inscrição : 10/10/2011
Idade : 37
Localização : São Paulo

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Conan O Bárbaro (2011) - Tópico Oficial para discussão

Mensagem por Rogerio Rocha em Qua Jan 25, 2012 8:34 am

Lepolisse

Eu também senti essa diferença nas pronúncias mesmo, principalmente Hirkania, mas eu não tinha certeza que a pronúncia estava diferente, ou eu que falava errado... como Acheron também...

Mas é uma pena que esse projeto não caiu nas mãos de um fã do Conan, ou mesmo de um produtor, diretor muito competente, pois acho o Conan com uma história mais rica que muitos filmes por aí que fizeram sucesso.

_________________
Chega um momento, o ladrão, quando as jóias deixam de brilhar, quando o ouro perde seu brilho, quando a sala do trono se torna uma prisão, e tudo o que resta é o amor de um pai para seu filho.
avatar
Rogerio Rocha
Admin

Mensagens : 847
Data de inscrição : 10/10/2011
Idade : 37
Localização : São Paulo

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Conan O Bárbaro (2011) - Tópico Oficial para discussão

Mensagem por lepolisse em Qua Jan 25, 2012 9:27 am

Pois é Rogério,

Tbem tive a impressão com relação a Acheron, que pra mim, seria Akeron, na pronuncia...enfim, como vc disse, uma pena que não tenha sido idealizado por um fã do Conan.
Abraços

lepolisse

Mensagens : 5
Data de inscrição : 24/01/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Conan O Bárbaro (2011) - Tópico Oficial para discussão

Mensagem por Rogerio Rocha em Qua Jan 25, 2012 9:47 am

Cara
eu também achava que a pronúncia era essa que você postou...

Tu assistiu em inglês ou dublado?

Obs. Assisti nos 2 formatos, e em português achei muito pior...

_________________
Chega um momento, o ladrão, quando as jóias deixam de brilhar, quando o ouro perde seu brilho, quando a sala do trono se torna uma prisão, e tudo o que resta é o amor de um pai para seu filho.
avatar
Rogerio Rocha
Admin

Mensagens : 847
Data de inscrição : 10/10/2011
Idade : 37
Localização : São Paulo

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Conan O Bárbaro (2011) - Tópico Oficial para discussão

Mensagem por lepolisse em Qua Jan 25, 2012 10:30 am

Tbem assisti das 2 maneiras....

Tbem achei sofrível a dublagem....voz do Conan, pra mim, nada a ver...

lepolisse

Mensagens : 5
Data de inscrição : 24/01/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Conan O Bárbaro (2011) - Tópico Oficial para discussão

Mensagem por Siegfried em Qua Jan 25, 2012 10:32 am

Bha, uma vez legendada pra mim foi o suficiente pra me traumatizar.. rsrs

_________________
"Saiba ó príncipe, que nos anos 80, houve uma era inimaginável, onde os bárbaros caminhavam sobre a terra...."
avatar
Siegfried
Admin

Mensagens : 1086
Data de inscrição : 11/10/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Conan O Bárbaro (2011) - Tópico Oficial para discussão

Mensagem por Bob o Bárbaro em Sex Jan 27, 2012 11:53 am

Eu vi o filme novo, mas não gostei muito não.

Imaginava o Conan mais forte e poderoso, quer dizer eu achava que fisicamente ele fosse mais forte que os outros guerreiros e nao gostei daquele amigo do Conan um negão meio gente boa, poxa tinha que ter o Zula ou o Fafnir nesse filme, ou mesmo a Sonja, que deveria ter sido a atriz que fez a vilã do filme. a historia era um pouco fraquinha, e a sacerdotisa era sem graça, tanta mulher bonita e foram escolher ela.
avatar
Bob o Bárbaro

Mensagens : 3
Data de inscrição : 27/01/2012

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Conan O Bárbaro (2011) - Tópico Oficial para discussão

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 3 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum